Pesquisa LinkedIn – Tendências de Talentos 2015

Tempo de leitura: 4 minutos

O LinkedIn desenvolveu uma pesquisa em 29 países com +20 mil profissionais. No Brasil foram entrevistados mais de 660 mil profissionais. A partir das análises retiradas destas entrevistas é composto o relatório chamado Tendências de Talentos. A pesquisa é totalmente voltada para dar insights para recrutadores.

BRASIL

Brasil é um país que possui profissionais mais passivos que a média global, 77% dos profissionais brasileiros possuem este perfil, o qual é definido por estarem dispostos a conversar com um recrutador; entram em contato com a rede pessoal; e estão totalmente satisfeitos e/ou não desejam mudar (de emprego).

Em nível global o Brasil está apenas atrás de Rússia (81%), Japão (80%) e China (78%) em relação ao percentual de talentos passivos.

COMPORTAMENTO DOS TALENTOS

Com o objetivo de fortalecer suas trajetórias e por sua vez aumentar as oportunidades de carreira, os profissionais do mundo todo investem nas seguintes atividades:

Atividades de Desenvolvimento
Atividades de desenvolvimento profissional mais comuns | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn
No cenário brasileiro os talentos, que desejam buscar novas oportunidades de emprego, utilizam principalmente Redes Sociais Profissionais (63%), seguido por Sites de Emprego em Internet (59%) e Comunicação Informal (55%). O LinkedIn é a principal rede social profissional utilizada. Nota-se a forte dependência de amigos e colegas para descobrir novas oportunidades (famoso “QI”: Quem Indica).

Canais de busca de emprego
Canais mais populares em que os talentos buscam oportunidades | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn

O PRIMEIRO CONTATO

Recrutadores não hesitem em contatar talentos brasileiros, pois 85% dos talentos brasileiros têm o interesse de ser contatado por recrutadores ou headhunters sobre oportunidades de emprego. Os profissionais brasileiros estão mais abertos a novas oportunidades do que a média global (78%).

Quando se trata do primeiro contato do recrutador, os talentos no mundo desejam saber quais as responsabilidades do cargo (69%) e motivo do contato (64%), este último ponto é o por que ele (o talento) é um bom candidato ao cargo.

Desejo dos Talentos
O que os talentos jo mundo desejam saber | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn
COMO ABORDAR OS TALENTOS

O LinkedIn dá algumas dicas para recrutadores sobre envio de novas oportunidades por mensagem ou InMail:

  1. Há mais chances de resposta, caso o talento siga sua LinkedIn Career Page (Company Page da empresa), ou seja, verifique potenciais candidatos na base de seguidores;
  2. Não enviar oportunidades no final de semana;
  3. Para obter um maior retorno das oportunidades enviadas por mensagem ou InMail, envie entre segunda e quinta-feira.
ENTREVISTA

Ainda existe uma insegurança em relação ao cargo e à empresa antes da entrevista.

Dependendo da percepção das entrevistas, os talentos estão propensos a  mudar de opinião em relação ao cargo e empresa se a experiência foi negativa (83%) ou se a experiência foi positiva (87%). Porém 53% dos talentos consideram a entrevista, com o futuro gerente, como a mais importante.

Quando a entrevista é agendada o desejo dos talentos brasileiros é encontrar o futuro gestor.

Experiência da entrevista
O que importa para os talentos no Brasil durante a entrevista | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn
PÓS-ENTREVISTA

Recrutadores, por gentileza, contatem posteriormente os talentos que participaram de entrevistas.

Dê um retorno ao profissional. Seja positivo ou negativo, contate-os, use as preferências dos talentos para receber um retorno:

  • 77% desejam receber boas notícias por telefone
  • 65% preferem receber notícias ruins por e-mail
É praticamente unânime o desejo dos talentos em receber feedback sobre a entrevista realizada (94%).

[Nota pessoal] Eu prefiro sempre um retorno e se possível pontuar o que me desabonou, em caso negativo. O que quero dizer é que feedback “negativo” não é só o ‘Não foi desta vez, outro candidato atendeu os requisitos”, quero saber quais requisitos eu não preenchi e por quê, esta é a questão.

FATORES PARA TOMADA DE DECISÃO

O processo decisório dos talentos brasileiros depende dos seguintes fatores:

Fatores decisórios
Principais fatores quando o talento no Brasil pensa em uma oferta de emprego | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn
Como o fator remuneração é fundamental tanto no Brasil quanto no mundo, os profissionais estabeleceram referências salariais a partir dos seguintes pontos:
Referências Salariais
Como talentos no mundo estabelecem referências salariais | Tendências de Talentos em 2015 | LinkedIn
CONCLUSÃO

Portanto as principais tendências em relação a atração de novos talentos são:

  • 77% dos profissionais são passivos;
  • 63% usam redes sociais para buscar novas oportunidades;
  • O fator decisório com maior peso (49%) para mudança de emprego é: Remuneração.
Para obter mais insights e ver o todo o conteúdo da pesquisa, baixe a versão completa do Tendências de Talentos em 2015 do LinkedIn.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *